Esta é a parte em que eu comento alguns comandos que você vai usar esporadicamente.

Neste ponto você deve estar entendendo como os modos do VIM funcionam, para que cada um funciona e tento uma idéia básica de como editar arquivos. Como eu falei já duas vezes, a quantidade de comandos disponíveis é gigantesca, então vamos aproveitar esse pequeno momento em que as coisas começam a fazer sentido para ver mais alguns comandos.

[Shift]+j (Modo normal)

"Junta" a linha abaixo do cursor com a atual. Pode não parecer muito, mas o VIM irá colocar um espaço no final da linha atual1 antes de juntar com a linha abaixo e removerá todo caractere branco da linha de baixo antes de juntar as duas linhas.

x (Modo normal)

Apaga o caractere sob o cursor. O mesmo que [Del].

gq (Modo normal)

Reformata o parágrafo. Não faz muito sentido para código (com algumas exceções), mas se você tiver configurado a coluna máxima (vou explicar como fazer isso na parte de configuração do VIM), você pode selecionar um comentário em modo visual e usar gq para que o VIM alinhe o comentário no espaço definido. Também serve para quando você estiver editando arquivos de markup (MarkDown, reSTRUCTURED text, HTML, etc).

gg e G (Modo normal)

gg move o cursor para o início do arquivo e G move o cursor para o fim do arquivo. Efetivamente, fazer ggdG (mover o cursor para o início do arquivo, remover tudo até o final do arquivo) irá remover todo o conteúdo do arquivo.

= (Modo normal)

Reidenta o código usando a sintaxe atual.

u e [Ctrl]+r (Modo normal)

Undo e redo, respectivamente.

[Ctrl]+y e [Ctrl]+e (Modo normal e Modo de inserção)

Dois comandos que funcionam de forma diferente se executados em modo normal ou modo de inserção.

No modo normal, [Ctrl]+y irá rolar o conteúdo do texto para baixo, mantendo o cursor na mesma posição enquanto que [Ctrl]+e irá rolar o conteúdo para cima, ainda mantendo o cursor na mesma posição. Se você abusar destes comandos, movendo a linha onde o cursor se encontra para fora da área visível, o cursor irá se mover.

No modo de inserção, no entanto, [Ctrl]+y irá copiar o caractere da linha de cima na mesma coluna na posição atual; [Ctrl]+e faz o mesmo, mas com a linha de baixo.

. (Modo normal)

Repete o último comando. Note que . irá repetir o último comando completo. Por exemplo, quando eu falei sobre ggdG, estamos falando, na verdade, de dois comandos completos: gg e d{movimentação}. ., neste caso, irá repetir o comando dG. Mais adiante veremos como criar "macros de teclado" e efetivamente permitir a execução de coleções de comandos.

:e e :files (Modo de comando)

Edita um arquivo. Se não for passado o nome do arquivo depois do comando, o mesmo arquivo é recarregado do disco (em outras palavras, o buffer é atualizado com o conteúdo do arquivo). :e# recarrega o último arquivo aberto (por exemplo, se você estiver com o arquivo "arquivo" aberto e fizer :e arquivo2, usar :e# irá recarregar "arquivo" para o editor; usando :e# de novo, "arquivo2" será apresentado).

Você pode ver os últimos arquivos abertos na sessão atual do VIM com :files. Se quiser recarregar algum destes arquivos de novo, basta usar :e#{número}, onde {número} é o número do arquivo na lista.

:sh (Modo de comando)

Abre um shell dentro do VIM. Para retornar ao VIM, basta encerrar o shell.

:{número} (Modo de comando)

Pula para a linha indicada. Por exemplo, :100 irá para a centésima linha do arquivo.

[Ctrl]+] e [Ctrl]+t (Modo normal)

[Ctrl]+] pula para a tag sob o cursor e [Ctrl]+t retorna. Mais adiante veremos como criar um arquivo de tags para que o VIM consiga navegar pelo código. A mesma idéia é usada no help do VIM: se você digitar :help irá ver a primeira página de ajuda do editor; para navegar entre os tópicos apresentados (marcados de forma diferente, dependendo do esquema de cor utilizado), é utilizado [Ctrl]+] para avançar e [Ctrl]+t para retornar para a página anterior.

~ (Modo normal)

Altera o caractere sob o cursor para maiúscula se for minúscula e vice-versa e move o cursor uma posição pra frente.

gu{movimentação}, gU{movimentação} e g~{movimentação} (Modo normal)

gu{movimentação} altera todos os caracteres em {movimentação} para minúsculas.

gU{movimentação} altera todos os caracteres em {movimentação} mara maiúsculas.

g~{movimentação} faz ~ nos caracteres em {movimentação} (ou seja, os caracteres da posição do cursor até movimentação ficarão em maiúsculas se estiverem em minúsculas e vice-versa).

[Ctrl]+p e [Ctrl]+n (Modo de inserção)

Auto-complete. [Ctrl]+p tenta completar a palavra antes do cursor voltando no texto enquanto que [Ctrl]+n tenta completar com palavras mais a frente no texto.

[Ctrl]+a e [Ctrl]+x (Modo normal)

Incrementa ([Ctrl]+a) ou decrementa ([Ctrl]+x) o número sob o cursor. O VIM automaticamente detecta se o número está em decimal, octal ou hexa.

E MAIS!

w (Modo normal)

Move o cursor para o começo da próxima palavra.

e (Modo normal)

Move o cursor para o fim da próxima palavra.

b (Modo normal)

Move o cursor para o começo da palavra anterior.

ge (Modo normal)

Move o cursor para o fim da palavra anterior.

1 ... a não ser que o primeiro caractere (não branco) da linha de baixo seja um ")"; neste caso, o VIM não adiciona o espaço.